O Fiat que você não esperava

A marca italiana detém quase um terço do mercado brasileiro, para o qual projetou vários modelos com um visual “ruim”

Novos carros Fiat

Panda, Punto, 500, Tipo … estes são os Fiat que conhecemos, vendidos na Itália e na Europa. No entanto, do outro lado do Atlântico, existe um Fiat completamente diferente, desconhecido por muitos e feito de modelos construídos especificamente para a América do Sul.

O mercado brasileiro em 2018 deve absorver 700 mil carros da marca Fiat em 2,5 milhões de novos registros totais: isso explica o compromisso da marca italiana na região. É por isso que, no Salão Quatro Rodas de São Paulo, o alter ego da marca Turin é encenado, composto de produtos que provavelmente são únicos aqui no Brasil.

 

Fiat Argo Sting

Um deles é o Fiat Argo “Sting”, uma versão de academia do pequeno carro Argo que corresponde ao nosso Punto: o ponto forte deste carro – que durante semanas sugeriu uma possível chegada também na Itália – é a combinação de cores amarela, embelezado com luzes LED, para-choques e rodas de 17 “específicas. Uma libré também levada para dentro.

 

Fiat Toro Rescue

Igualmente interessante é o Fiat Toro Rescue, um protótipo baseado na pick-up lançada na América do Sul há alguns anos. Alimentado por um motor turbodiesel de 2 litros com transmissão automática de nove marchas e tração nas quatro rodas, parece um daqueles veículos usados ​​na série Baywatch para salvar os nadadores nas garras das ondas.

O equipamento vem em grande parte do catálogo da Mopar, a divisão da FCA que lida com acessórios e peças de reposição: observar as rodas de metal, os guarda-lamas ampliados e a armação para transportar uma prancha de surfe.

 

Fiat Fastback (conceito)

Também convincente é o Fastback, é um carro conceito para um suv-cupê que incorpora e evolui alguns dos conceitos estilísticos vistos no Taurus, enriquecendo-os com todo o glamour da utilidade esportiva do teto evasivo. Um projeto totalmente latino-americano, nascido no Latam Design Center, em Betim, nos subúrbios de Belo Horizonte (Brasil). É muito provável que este carro veja a produção: na verdade, a Fiat pretende lançar 15 novos modelos na América do Sul até 2023, como parte de um programa de investimento de 3,3 bilhões de euros.

 

Fiat Mobi

Por que esses exóticos carros da Fiat não tem na Europa? Primeiramente, por razões de homologação: as mudanças técnicas necessárias para tornar esses carros compatíveis com os padrões europeus, aumentariam significativamente os custos de produção.

E depois há o problema da logística: uma importação intercontinental acabaria aumentando ainda mais os preços finais, tornando os carros menos competitivos. Além disso, para os mercados europeus, a FCA tem outros programas: basicamente apenas a família Panda e 500 produtos (em todas as suas versões) e o 124 Spider sobreviverá na linha Fiat.

O restante está destinado a sair da produção sem ser substituído, como explica o fabricante durante a apresentação do último plano industrial, que ocorreu no dia 1º de junho passado.

 

Resumindo

Com isso finalizamos a lista de carros exclusivos para os brasileiros e isso deixa claro como o mercado nacional de carros é grande, bem como o poder a Fiat acredita no potencial deste país, e claro, investindo na marca aqui, dando exclusividade elas mantem o mercado quente para ela.

 

Outros fatores são bem importantes também, como é o caso dos financiamentos e o Consórcios Nacional Fiat que facilitam as compras e oferecem condições um tanto quanto melhores para os compradores.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *